Símbolo Peixes

símbolo peixes significadoQuando falamos sobre o símbolo peixes, estamos falando sobre o 12 e último signo astrológico do zodíaco, ele é composto por um par de curvas em sentidos opostos, que vão ligar-se através de um traço. Tudo isso consegue ser explicado através da mitologia.

Eros e Afrodite (que também podem levar o nome de Cupido e Vênus para os romanos) estavam sofrendo perseguição pelo titã chamado ‘’Tifão’’, um monstro que emitia fogo tanto pelo olho, como pela boca e era muito temido na época.

Foi com a ajuda de Amalteia que eles conseguirem se livrar dessa perseguição, tudo isso por um caminho único que daria para o mar. A água apagava todas as chamas que eram utilizadas pelo monstro.

Chegando no reino de Poseidon (conhecido por ser o rei dos mares, chamado de Netuno para os romanos), os deuses são levados para o fundo do mar por dois golfinhos. Esses golfinhos que estavam unidos por um cordão de ouro, obedeceu o deus levando Eros e Afrotide para esse local, onde para sempre eles estariam em proteção.

O casal, como forma de agradecer aos golfinhos por isso, os transformaram em uma constelação, que hoje conhecemos como a constelação de Peixes.

Essa é a explicação para as curvas e o traço do símbolo de peixes representarem dois peixes, que seriam os dois golfinhos e o cordão de ouro.

Símbolo Peixes e Simbolismo

Astrologia

Seguindo a astrologia, os piscianos são aquelas pessoas que nasceram entre o dia 20 de fevereiro e 20 de março, essas pessoas possuem uma personalidade bem gentil, são pessoas intuitivas, bondosas e muitas vezes, apresentam também ingenuidade.

Outro característica bem marcante dos piscianos é a sua capacidade de sonhar, conhecidos por serem os mais sonhadores do horóscopo e por isso podem se decepcionar bastante com o mundo.

Leia Mais >  Árvore da Vida

O signo é regido pelo planeta Netuno.

E então, já ficou a conhecer o significado símbolo peixes e os seus diferentes simbolismos, desde históricos, religiosos, etc…?

Deixe nos comentários abaixo a sua opinião ou dúvida sobre o conteúdo do artigo.


Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *